quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

"Aprender a crescer - Manual de Formação Cívica", de Ana Isabel Garrido (texto) e Inês Massano Cardoso (ilustração do livro e do jogo pedagógico)

"Aprender a crescer - Manual de Formação Cívica" é uma obra que se dirige, sobretudo, aos alunos dos 2.º e 3.º ciclos do ensino básico. Resulta de cinco anos de coordenação das actividades desenvolvidas no âmbito da Formação Cívica, numa escola do concelho de Pombal (Instituto D. João V), com cerca de 1600 alunos. Constitui um conjunto de actividades que abordam a educação e a clarificação de valores, atitudes e afectos, a democracia, a vida saudável, a educação ambiental e a solidariedade.
O jogo "Aprender a crescer" foi criado especificamente para estas aulas, embora possa também ser jogado em família ou em grupos de amigos. Ajuda professores e alunos a comunicar e a reflectir sobre assuntos do seu agrado ou que os preocupam particularmente. Os temas do jogo foram sugeridos pelos alunos em anos anteriores. Alguns deles são bastante "leves" (Moda, Ambiente, Desporto, Profissões, Comportamentos de risco) outros, porém, seriam difíceis de tratar formalmente durante as aulas, uma vez que, embora sejam do conhecimento dos adolescentes, podem ser muito íntimos (Educação sexual, Sentimentos, Violência doméstica, Relação pais e filhos).

APRECIAÇÃO CRÍTICA:
Num universo de jogos e de brinquedos cada vez mais associados ao brincar sozinho e que fazem apelo a emoções básicas, como a violência ou a acção contínua, transmitindo valores de vida questionáveis e hábitos de gratificação imediata, parece-me notável assinalar o aparecimento de um jogo como este.
Com uma qualidade ao nível do conteúdo que me parece fora do comum, pela forma simples e eficaz com que aborda vários temas sensíveis e básicos do crescimento, os educadores e os jovens podem, através deste jogo e de modo informal, questionar-se e aprender em conjunto, usufruindo o prazer lúdico e a interacção, de maneira construtiva.
Embora concretizado por professores e, inicialmente, para ser usado em ambiente escolar, penso que qualquer adulto informado e preocupado com a educação dos seus filhos, sobretudo ao nível dos valores da vida e da prevenção de comportamentos de risco, vai não apenas aprender com este jogo, mas também (principalmente) ver bastante facilitada a tarefa de comunicar com os jovens educandos sobre assuntos sempre difíceis de conversar, como os relacionados com a sexualidade, com as drogas e outros comportamentos de risco.

José Alberto Garrido (médico pedopsiquiatra e terapeuta familiar, chefe de serviço do Departamento de Pedopsiquiatria do Hospital Pediátrico de Coimbra)
..................................

"Aprender a crescer" é, antes de mais, o resultado de uma atitude de exigência e de responsabilidade face à organização escolar.Atitude evidenciada pela comunidade escolar que, ao longo de cinco anos, com a orientação da autora, Ana Isabel Garrido, construiu um projecto de elevadíssimo potencial pedagógico e com um notável grau de adequação ao processo de ensino e de aprendizagem.A área curricular de Formação Cívica constitui um espaço privilegiado para o desenvolvimento dos quatro pilares da educação: “aprender a fazer, a conhecer, a viver juntos e a ser”. É uma oportunidade de comprometer os alunos socialmente, promovendo as competências necessárias a uma cidadania baseada em valores éticos e, por isso, tolerante e esclarecida.São, aliás, estes os motivos pelos quais o Governo Civil de Leiria elegeu a Formação Cívica como o ambiente curricular mais adequado para a dinamização de projectos conjuntos com as escolas, no contexto da prevenção rodoviária, da protecção civil e da segurança dos cidadãos. Acredito que o processo de socialização, de compreensão das relações sociais, de diferenciação de comportamentos e de aceitação do outro, no quadro de uma aprendizagem afectiva, encontra na Formação Cívica as mais amplas potencialidades de desenvolvimento.Ao longo do ano lectivo, as escolas e os agrupamentos poderão contar com o auxílio de estratégias inovadoras e de recursos atractivos, de que saliento o jogo "Aprender a crescer", através dos quais serão abordadas temáticas diversificadas e motivadoras, estimulando a reflexão, a comunicação e a interacção. (…) Estou certo de que esta valiosa publicação será um instrumento de trabalho essencial para alunos, pais e professores.

José Miguel Medeiros (ex-Governador Civil do Distrito de Leiria)
..............................

Registo de notícias e outras referências:

Sem comentários:

Enviar um comentário