quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

"O piano adormecido", de António Vilhena (texto) e Andreia Travassos (ilustração)


"O Piano Adormecido" é a primeira obra de literatura para a infância da autoria de António Vilhena, escritor que tem mantido uma colaboração regular no “Diário da Turma”, suplemento infanto-juvenil e mensal do “Diário de Coimbra”.
Estamos perante uma escrita que transmite o encantamento do regresso às origens, capaz de animar o imaginário e a fantasia de cada um de nós, quando nos contam uma reconfortante história, mesmo no mundo dos adultos.A magia deste pequeno livro encontramo-la na poesia que António Vilhena sabe colocar no antigo piano da casa da avó Mariana, que também era o luxuoso quarto do gato Jeremias.
Foi o menino Afonso quem redescobriu a alegria que há nos sons ensaiados no velho piano, ao mesmo tempo que se surpreendia com o canto das andorinhas.O sonho de Afonso tinha a ver com uma conversa entre animais que gostavam de música e com a necessidade de uma andorinha querer acordar o esquecido piano. O desejo cumpriu-se: Afonso acordou o piano que imitava o canto das aves, na Primavera.
Nesta pequena obra, o simbolismo do sonho ajuda a iluminar um quotidiano cinzento e, talvez, ainda a ultrapassar dilemas infantis. Aqui, não há maniqueísmos nem heróis, apenas um texto onde se identifica a beleza das coisas simples, tão bem coloridas pela ilustradora Andreia Travassos.
............................

Registo de notícias e outras referências:
http://nasfaldasdaserra.blogspot.com/2006/12/antnio-vilhena-e-andreia-travassos.html
http://nasfaldasdaserra.blogspot.com/2007/07/antnio-vilhena-d-conhecer-o-piano.html
http://biblioteca-marupiara.blogspot.com/2011/04/o-piano-adormecido-antonio-vilhena.html
http://jornaldefafe.blogspot.pt/2012/07/club-alfa-obra-poetica-canto.html

Sem comentários:

Enviar um comentário